Dharma5 Blog

Porque te Auto-Sabotas?

Sonhas em ter uma vida melhor, sentir-te confiante e tranquila para te aventurares em novas experiências. Talvez desejes uma promoção no trabalho ou um novo emprego onde te sintas mais realizada.

Dizes a ti própria que vais procurar novas oportunidades de emprego, quem sabe fazer um novo curso ou melhorar o teu CV. Mas passam-se meses e nada disto se concretizou. Sentes-te estagnada e dizes a ti própria que há algo de errado contigo.

A primeira coisa que eu quero que entendas é que não há nada de errado contigo! O que aconteceu foi que entraste na espiral de pensamentos negativos e ficaste bloqueada na prisão mental.

É bem provável que tenham surgido pensamentos que te colocaram na espiral da dúvida e insegurança como “se calhar não vou ter tempo para fazer o curso”, ou “será que vale a pena o investimento?” que te paralisaram e levaram à inacção e procrastinação.

Tudo começa nos teus pensamentos.

Os pensamentos são como alimentos, que te podem nutrir e fazer avançar, ou paralizar e sabotar. Como diz o nosso trainer Pedro Vieira, o pensamento é o inicio de um processo, em que pensamentos geram sentimentos, que geram acções.

Para que tenhas a vida positiva e tranquila que desejas, primeiro tens de ter verdadeira consciência do conteúdo e qualidade dos teus pensamentos.

1 . Observa os teus pensamentos

A primeira coisa que tens de fazer para deixar de te auto-sabotar, é começar a observar o teus pensamentos. A nossa mente está constantemente a pensar. Um estudo antigo publicado pela National Science Foundation concluiu que em média uma pessoa tem entre 12,000 e 60,000 pensamentos por dia. Mas poucas são as pessoas que realmente têm consciência daquilo que pensam.

“Em que estou a pensar?” esta é a pergunta que tens de te fazer várias vezes ao dia. Uma das dicas do trainer Pedro Vieira é colocar essa frase no telemóvel, ou em post its pela casa.

2 . Reconhece a qualidade dos teus pensamentos

O mesmo estudo publicado pela National Science Foundation concluiu que para a maioria das pessoas 80% dos seus pensamentos são negativos. Quando começas a observar os teus pensamentos, começas a dar-te conta de que uns são positivos e outros são negativos. Até é possível que te apercebas que para determinadas áreas da tua vida tens pensamentos positivos e para outras tens pensamentos negativos.

Permite-te observar os resultados desses processos. É bem provável que relativamente à área em que tens pensamentos positivos (ex: relacionamentos) tenhas experiências e resultados positivos e na área em tens pensamentos negativos (ex: trabalho) tenhas experiências e resultados negativos.

Segundo o nosso trainer Pedro Vieira, muitas pessoas quando estão insatisfeitas com alguma área da sua vida, focam a sua atenção no contexto (por exemplo no chefe, nos colegas, nos valores da empresa) e não se questionam sobre os pensamentos que têm sobre essas situações, nem de onde vêm esses pensamentos. Segundo o especialista, quando fazem esse trabalho de observação e desenvolvimento pessoal, percebem que o problema está na sua forma de pensar e não no contexto em si.

3. Vê os pensamentos como alimento

Começares a ver os teus pensamentos como algo que vai nutrir a tua vida ou intoxicar, é um passo importante para que comeces a perceber a importância de direccionares os teus pensamentos para aquilo que queres alcançar na tua vida.

Por exemplo, talvez seja importante para ti teres mais dinheiro e tenhas pensamentos como “eu preciso mesmo de ter mais dinheiro mas é tão difícil encontrar oportunidades de ganhar dinheiro e ainda por cima é preciso tempo para isso e eu não tenho tempo nem coragem”. Quer reconheças quer não, se este pensamento é recorrente, é essa ideia e pensamento que estás constantemente a alimentar. Esse pensamento, como vimos anteriormente, vai gerar sentimentos e consequentes acções ou inações.

Na maioria das vezes ocupamos a nossa actividade mental a alimentar a negatividade em vez de alimentar a positividade, e isso faz com que nos estejamos constantemente a sabotar. Não se trata se estares sempre a pensar positivo, mas sim como geres as tuas vozes interiores.

O que pensas em relação a cada uma das áreas mais importantes da tua vida? Toma nota dos pensamentos e percebe qual lado alimentas mais.

Se queres saber mais sobre como sair da espiral da negatividade, e alcançar mais tranquilidade e confiança na tua vida, inscreve-te na nossa masterclass gratuita da próxima semana.

Masterclass GRATUITA – Como Parar Pensamentos Negativos, Procrastinação e Vencer a Batalha Mental

com Pedro Vieira

22 Outubro – 22:00